Participe! Participe!

Arquidiocese de Botucatu

Liturgia Diária

Sem categoria › 20/03/2015

Macatuba realiza a tradicional dramatização da Paixão de Cristo, confira a programação completa da Semana Santa

11015849_795990300490330_1344090661_nNa década de 60, a cidade de Macatuba no interior paulista, acolhia no seio da comunidade Paroquial Santo Antônio o reverendo Pe. José Corsini que no desempenhar de suas funções observou dois aspectos: os talentos de seus paroquianos e a paisagem da pequena cidade.
Durante as missas dominicais havia um grupo formado por mulheres denominado de Pia união das filhas de Maria, que encenavam em todas as missas. E como que por uma inspiração divina no ano de 1968 encenaram o nascimento de Cristo e a partir dai, por que não a via sacra? Sê já se tem um relevo propicio para isso!
Assim as ideias foram sendo formuladas, até que no ano de 1970 tem-se a primeira encenação da paixão de Cristo, entretanto o único personagem que não era desempenhado era o próprio Cristo. Como assim? Não se tinha uma carga de atuação, mas sim como de uma procissão, para melhor ressaltar era usada a imagem de Cristo e no acompanho de outros figurantes.
É válido deixar claro que na época para representar Cristo crucificado, um artista da cidade local conhecido por Virgílio (cujo há pinturas no salão paroquial) reproduziu em escala maior de mdf o Cristo crucificado. Somente no ano de 1971 começa-se a atuação do personagem principal.
O teatro foi alicerçado nas narrações do Evangelista João, baseado em muitas pesquisas de documentos, pinturas etc. o intuito, era e é, chegar próximo à realidade. Para isso todos os esforços possíveis são feitos desde personagens, roupas, objetos.
Com o ano 1973 tem-se em Macatuba um reflexo imensurável de pessoas, que buscam a partir do trabalho da criatividade de cada membro uma autentica expressão de fé alicerçada no caminho de Cristo.11047026_795990273823666_1110225244_n
No entanto no ano de 1985 acontece um abalo paroquial, na manhã de domingo de ramos o Pe. José Corsini é encontrado morto em sua casa. Alertado por paroquianos, Dom Vicente Ângelo José Marchetti Zioni se faz presente e como pai espiritual aconselha que os trabalhos desempenhados continuem e assim sustentados em Deus fizeram do teatro uma expressão total de amor.
Na despedida do Pe. Corsini a senhora Doralice (que fundamenta todas estas palavras) prometeu em seu discurso que enquanto houver ar em seus pulmões ela se dedicará a realização desta Semana Santa.
Dito e feito conhecida como Dora pelos paroquianos ela se doa totalmente a cada detalhe; sua vida é fazer esta peça acontecer, para isso assim que se encerra a semana santa ela põe-se a pensar e planejar o próximo ano, o mais intrigante que ela nunca se preocupou com a porcentagem de público, afinal tudo o que é feito é obra de evangelização e se atingir uma pessoa que seja ela estará exultante de alegria.
O Grupo denominado Pe. José Corsini se dedica integralmente para reviver os passos de Cristo ao ponto de quem quer conhecer a presença espiritual da comunidade Santo Antônio não deve se focar somente na sexta-feira santa, tudo se inicia no Domingo de ramos e deste ponto, há uma caminhada até o sábado santo. Quem assim pensava que Macatuba realizava somente a via crucis se enganou! É preciso lavar os pés, cear, ser entregue, morrer e ressuscitar! Todos estes atos são encenados durante o andar da semana santa.
Quem visita Macatuba em um mês de antecedência pode notar que a rua que dá acesso à frente da paróquia se encontra impedida e muitas estruturas em pé, o salão paroquial se torna um verdadeiro ateliê e claro a expectativa do povo já se faz muito presente.
A partir de todo o trabalho descrito nós comunidade Santo Antônio de Macatuba-Sp, convidamos você a reviver os passos de Cristo nesta semana santa juntamente conosco! Venha ter uma experiência memoriável de fé esperança e claro muito amor.

Programação da Semana Santa:

29/03 – DOMINGO DE RAMOS

07H- Bênção dos Ramos, entrada triunfal de  Jesus a Jerusalém.

Bênção de Ramos: São Marcos, 11, 1 – 10

Local: Praça do Cruzeiro, em seguida, Procissão até a Igreja Matriz e Santa Missa.

10H- Bênção dos Ramos, entrada triunfal de Jesus em Jerusalém.

Bênção de Ramos: São Marcos, 11, 1- 10

Local: Centro Educativo Mário Rosa, em seguida,  Procissão até a Igreja Cristo Rei e  Santa Missa.

19H- Santa Missa na Comunidade  Santa Rita

 

30/03- SEGUNDA-FEIRA SANTA

19H30- Via Sacra nas Comunidades

 

31/03- TERÇA-FEIRA SANTA

19H- Procissão do Encontro

Mulheres: Praça Juliano Lorenzetti.

Homens: Praça Centenário.

 

01/04- QUARTA-FEIRA SANTA

07H- Santa Missa – Igreja Matriz

19H30- Celebração da Palavra – Comunidades Santa Rita e Cristo Rei

19H30- Santo Terço – Igreja Matriz

 

02/04- QUINTA-FEIRA SANTA

19H30 – Cerimônia de Lava Pés – Igreja Matriz.

Adoração ao Santíssimo Sacramento após a Santa Missa até às 12H da Sexta-Feira Santa.

 

03/04- SEXTA-FEIRA SANTA

14H30 – Celebração da Paixão do Senhor – Igreja Matriz

16H – Dramatização da Paixão de Cristo

 

04/04- SÁBADO SANTO (VÍGILIA PASCAL)

 

20H- Santa Missa com benção do Fogo Novo na Igreja Matriz

( lembrar da  vela com proteção)

Após a Santa Missa, encenação da Ressurreição de Jesus Cristo.

 

05/04- DOMINGO DA RESSURREIÇÃO DO SENHOR

07H – Missa – Igreja Matriz

08H30 – Missa – Comunidade Cristo Rei

10H – Missa – Comunidade Santa Rita

19H – Missa – Igreja Matriz

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.